Youtube Twitter Facebook Instagram

Quinta-Feira - 15.11.2018

Tempo muda ao longo da semana e dias de sol dão lugar à chuva


MÍNIMA: 14º - MÁXIMA: 24º

Diário Rio do Peixe

Quinta-Feira - 15.11.2018

Tempo muda ao longo da semana e dias de sol dão lugar à chuva


MÍNIMA: 14º - MÁXIMA: 24º

PONTA GROSSA

Caçadorense conquista 1º lugar geral e de Medicina da UEPG 2018

Lucas é aluno do Colégio Bom Jesus e concluiu o Ensino Médio na Unidade Aurora em Caçador

06/11/2018 - 00:33:17 - Atualizada em 07/11/2018 - 00:21:23
Diário Rio do Peixe

Quem decide fazer vestibular para Medicina já sabe sobre as dificuldades para a aprovação. Conquistar a vaga na primeira tentativa, e em primeiro lugar, é o sonho de qualquer um que se propõe a esse desafio. Essa é a história do estudante Lucas Bressan Bosso que, com apenas 18 anos, conquistou a melhor nota no curso de Medicina e o primeiro lugar geral no vestibular de inverno da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG). Mais de 10 mil estudantes participaram do concurso.

Trajetória: Por trás do resultado de Lucas estão a formação estudantil, a dedicação e a rede de apoio da família e da escola. Aluno do Colégio Bom Jesus desde o 4.º ano do Ensino Fundamental, quando iniciou os estudos na Unidade Rosário, em Paranaguá (PR), concluiu o Ensino Médio na Unidade Aurora, em Caçador. Para o jovem estudante, o maior inimigo do vestibular é o próprio vestibulando. “Tendo isso em mente, é importante manter a cabeça relaxada e buscar dar o melhor de si, pois o estudo sempre recompensa aqueles que o fazem com intensidade”, afirma o estudante.

Preparação: Para o vestibular em 2018, Lucas conta que, utilizando um material alternativo, estudava em casa diariamente, das 7h30 às 22h. “Segui a rotina de estudos montada pelo meu pai, que a organizou de uma forma que eu pudesse ver um pouco de cada matéria todos os dias. Sinto que esse método foi crucial na minha aprovação. Além disso, procurava sempre realizar o máximo de exercícios e, quando não entendia uma matéria, buscava diversas videoaulas”, revela.

Limites: Durante esse período, Lucas deixou a vida social em segundo plano: celular, passeios e até mesmo distrações que a princípio pareciam bobas. “Saídas à tarde para tomar um sorvete, por exemplo, foram raras, fazendo com que eu focasse inteiramente no meu objetivo”.

Rede de apoio: A família e a escola foram os pilares da trajetória estudantil até o dia do vestibular. Com incentivo, planejamento e capacitação, Lucas teve seu potencial explorado ao máximo. Ao receber a notícia, o pai de Lucas, Dênis Alberto Bosso, comemorou duas vezes. “É uma grande alegria, tanto como pai, que acompanhou a trajetória e o crescimento do Lucas, quanto como funcionário, orgulhoso por mais esta conquista dentro da Instituição”, comemora Dênis, que atua como gestor do Bom Jesus Aurora.

Recompensas: As aulas na faculdade de Lucas só começam em 2019 e ele terá tempo para os projetos pessoais. Entusiasmado e ansioso, conta que já quer adiantar a matéria da faculdade, a fim de ter um contato breve com o curso que tanto almejou durante toda a vida, e agradece pela formação que recebeu. “O Bom Jesus me moldou para o mundo. Além do indiscutível ensino de qualidade, o projeto de virtudes que a escola me proporcionou foi fantástico, contribuindo decisivamente para os meus resultados e para quem eu sou”.

Lucas é aluno do Colégio Bom Jesus e concluiu o Ensino Médio na Unidade Aurora em Caçador

© 2011 - 2018. Todos os direito reservados a Editora Rio do Peixe.