Youtube Twitter Facebook Instagram

Domingo - 17.02.2019

Céu encoberto com pancadas de chuva a partir da tarde


MÍNIMA: 14º - MÁXIMA: 24º

Diário Rio do Peixe

Domingo - 17.02.2019

Céu encoberto com pancadas de chuva a partir da tarde


MÍNIMA: 14º - MÁXIMA: 24º

VIDEIRA

Chuva pode comprometer produção de uva

Nos últimos anos, a produção de sucos integrais tem crescido, igualando o vinho, aponta Epagri

21/01/2019 - 17:48:12 - Atualizada em 22/01/2019 - 12:20:51
Rádio Vitória

As constantes chuvas, em forma de pancada rápida e isola, tem preocupado o setor agrícola de Videira. O que acontece é que, próximo ao momento da colheita, que acontece agora entre janeiro e fevereiro, há sérios riscos de rachar o grão ou até mesmo de causar doenças no fruto, podendo comprometer boa parte da produção.

A Epagri de Videira, órgão que incentiva o cultivo das frutas assim como ajuda no monitoramento de diversas culturas regionais, tem orientado os produtores, mas não há muito o que se fazer durante este período de chuvas constantes, a não ser esperar por uma mudança no panorama climático, como explica o engenheiro agrônomo André Kulkamp.

Outras variedades mais tardias podem ser beneficiadas com as chuvas segundo André. Se as precipitações pararem agora, o manejo dos agricultores será facilitado e a safra poderá ter bons resultados, pontua o engenheiro agrônomo.

Janeiro é um mês que, historicamente, é marcado por chuvas constantes. Por isso durante este período uma das soluções encontradas pela Epagri foi a cobertura plástica dos parreirais. Os produtores regionais precisaram adotar este método, principalmente aqueles que produzem uvas de mesa.

Dentre os principais produtos da uva aqui na região de Videira estão os vinhos e sucos. Durante os últimos anos, de acordo com a Epagri, notou-se um crescimento da produção dos sucos integrais, igualando, proporcionalmente, o direcionamento das uvas para este segmento quando comparado ao vinho.



© 2011 - 2019. Todos os direito reservados a Editora Rio do Peixe.