Youtube Twitter Facebook Instagram

Quarta-Feira - 24.04.2019

Semana com mais nuvens e chuva frequente em SC


MÍNIMA: 15º - MÁXIMA: 20º

Diário Rio do Peixe

Quarta-Feira - 24.04.2019

Semana com mais nuvens e chuva frequente em SC


MÍNIMA: 15º - MÁXIMA: 20º

Colunistas

Descaso com o contribuinte

PENSATA “To cortando e rasgando uma bíblia para fazer um negócio. To me sentindo um ateu. Mas eu TE AMO Jesus...” deputada estadual do PSL Ana Caroline Campagnolo via Twitter.

10/04/2019 - 12:09:51
Osni Ribeiro Mello

Descaso com o contribuinte 

Recebi um vídeo via WhatsApp que mostra a situação caótica em que se encontram as rodovias da região. No vídeo, gravado a noite no trecho da SC350 entre Lebon Régis e Santa Cecília, próximo a Móveis Waely, outro motorista aponta que cinco, eu disse cinco, veículos estavam parados na beira da pista trocando pneus(s) depois de terem caído em um buraco. Este é o respeito que o cidadão que paga seus impostos, recebe do seu governo.


Câmara aprova abertura de processo administrativo

Os membros da Comissão de Legislação e Justiça, composta pelos vereadores Itacir Fiorese (presidente), Marcio JF (membro) e Ricardo Moraes (relator), apresentaram nesta segunda-feira (8) um requerimento ao Executivo solicitando abertura de processo administrativo.

O procedimento tem o objetivo de apurar os fatos e os responsáveis sobre o recolhimento de valor cobrado a menor, ao Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PASEP), no período de janeiro de 2014 a dezembro de 2015, durante a gestão do ex-prefeito Gilberto Comazzetto. Isso acabou gerando um procedimento fiscal da Receita Federal que culminou na apuração de valores a serem pagos pela municipalidade.

Segundo o vereador Marcio JF, o débito, que era de R$ 1,3 milhão, chega atualmente a R$ 2,9 milhões devido a multas e juros. “São R$ 1,5 milhão que poderia ser investido nas demandas da saúde ou em outros setores prioritários da municipalidade. No momento em que o orçamento das prefeituras está cada vez mais escasso para a efetivação de obras e serviços, vemos um descaso com o dinheiro público, onde a irresponsabilidade de alguns gerou um gasto exorbitante e desnecessários com multas e juros. Esperamos que isso seja apurado e os culpados responsabilizados”, destaca.

Márcio informou ainda que aportou na Câmara e tramita na Comissão de Legislação e Justiça, Projeto de Lei que autoriza o Município a efetuar parcelamento de dívida com a Receita Federal de valores devidos ao PASEP, e que provavelmente se posicionará contrário à matéria.

Estacionamento rotativo

Em setembro de 2018 a Câmara de Vereadores aprovou Projeto de Lei encaminhado pelo Executivo que atualizava os aspectos legais e dava maior segurança na sua operacionalização do estacionamento rotativo. Na segunda-feira (8), o Presidente da Câmara, Alcedir Ferlin (MDB), destacou a necessidade urgente da implantação do estacionamento rotativo nas áreas centrais da cidade, haja vista a dificuldade dos motoristas em encontrar vagas disponíveis para estacionar seus veículos. “Nos reunimos com o prefeito em fevereiro e ele nos confirmou que trâmites legais já estavam em andamento, porém, o que observamos é que muito pouco está sendo feito neste sentido. Notamos a dificuldades do cidadão em estacionar seus veículos, gerando prejuízos aos motoristas que precisam rodar mais do que o desejado para conseguir uma vaga, e ao próprio município que deixa de arrecadar com este serviço”, disse.

Estacionamento rotativo 1

O líder do prefeito na Câmara, Ricardo Barbosa (PSDB), informou que o processo licitatório para a contratação de empresa que irá gerir o estacionamento rotativo já está em andamento e, não havendo nenhum impedimento até a sua finalização, deverá ser lançado ainda este mês. A demora também gerou críticas do Vereador Rubiano Schmitz, especialmente após o projeto aprovado pelos parlamentares no ano passado ter vindo em caráter de urgência para a Câmara, mas que depois de aprovado acabou sendo “deixado de lado” pelo Executivo.

Chapa de consenso no PSDB 

Na reunião da Comissão Executiva Estadual do PSDB, na segunda-feira (8), o atual presidente, deputado Marcos Vieira, propôs uma eleição de consenso. Para demonstrar a unidade do partido. “Mas de forma alguma o que foi deliberado pela Executiva Estadual impede que possam haver outras chapas, se for do desejo de algum filiado tucano formá-la nos prazos estatutários”, destacou Vieira. A chapa de consenso foi apresentada pelo ex-senador Dalirio Beber e contempla todos os segmentos do partido: prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, secretariados do partido e lideranças tucanas, além de todas as regiões do Estado. Nesta condição o mais cotado para presidir o partido seria o ex-deputado Marco Tebaldi.

Convenção do PSDB

A Convenção Estadual do PSDB-SC será dia 4 de maio, das 13h às 17h, no Plenário da Assembleia Legislativa (Alesc), na Capital. Serão eleitos para um mandato de dois anos o novo diretório estadual, composto de 105 membros titulares e 35 membros suplentes, os delegados do Estado à Convenção Nacional do PSDB (22 titulares e 22 suplentes), além dos novos membros dos conselhos de Ética, Fiscal e Político. Também serão escolhidos os novos membros dos Secretariados da Mulher, da Juventude, de Prefeitos e Vice-Prefeitos e de Vereadores, do Tucanafro, do PSDB Sindical e da Diversidade Tucana, além da nova gestão do ITV Estadual.

Crescimento magro

O Fundo Monetário Internacional (FMI) cortou nesta terça-feira (9) sua estimativa para o crescimento econômico global em 2019 e alertou que a expansão pode desacelerar ainda mais devido às tensões sobre comércio e a uma saída potencialmente desordenada do Reino Unido da União Europeia. A economia global deve crescer 3,3% este ano, a expansão mais lenta desde 2016, disse o FMI em uma previsão que representou redução de 0,2 ponto percentual sobre a estimativa de janeiro

Tá de brincadeira

A deputada estadual Ana Campagnolo divulgou projeto de sua autoria denominado “escola sem drogas”. “Se formos falar das universidades públicas, não restam dúvidas que drogas é um problema a ser resolvido, uma guerra química. As drogas são uma marca política para desfibrar o tecido social da nação, solapando os valores”, argumentou Ana Campagnolo, acrescentando que o projeto obriga os professores a apresentarem, junto com exame de admissão, um exame toxicológico.


Osni Ribeiro Mello

Olá, eu sou Osni Ribeiro Mello, jornalista, administrador de empresas e Engenheiro Civil. Depois de ter passado pelos jornais: Gazeta Sul, Folha da Cidade e Informe e por todas as editorias. Atividades que consumiram 15 anos de minha vida e me deram muita experiência, resolvi que muito mais que dar a notícia eu apontaria os erros e as soluções. Pronto, virei colunista e instantaneamente odiado por escrever demais. De qualquer forma o portal www.diarioriodopeixe.com.br e o Jornal Extra resolveram apostar numa coluna de informações políticas e aqui estou tentando consertar o mundo e levando as notícias com uma pitada de humor e senso critico. Também mantenho o osnirmello.blogspot.com.br, blog onde divulgo as ideias que podem mudar o nosso mundo, ou não.

Espalhe essa coluna:

© 2011 - 2019. Todos os direito reservados a Editora Rio do Peixe.