Youtube Twitter Facebook Instagram

Sábado - 18.08.2018

Manhã: Sol com algumas nuvens Tarde: Sol com algumas nuvens Noite: Céu com algumas nuvens


MÍNIMA: 8º - MÁXIMA: 21º

Diário Rio do Peixe

Sábado - 18.08.2018

Manhã: Sol com algumas nuvens Tarde: Sol com algumas nuvens Noite: Céu com algumas nuvens


MÍNIMA: 8º - MÁXIMA: 21º

Colunistas

Congresso reúne prefeitos em Florianópolis

PENSATA Só no Brasil um jornalão entregue há anos ao cupim da falência pode ver pontos positivos em um governo que tem sua aprovação dentro da margem de erro de 3% e rejeição recorde 82%.

13/06/2018 - 02:12:54
Osni Ribeiro Mello

A abertura oficial do Congresso de Prefeitos, promovido pela Federação Catarinense de Municípios (Fecam), reuniu mais de 2.300 pessoas, nesta terça-feira (12), no CentroSul, em Florianópolis. Conduzido pelo presidente da Fecam, prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni, participaram lideranças políticas federais, estaduais, lideranças institucionais, e mais de 200 prefeitos catarinenses. O ministro de Turismo, Vinicius Lummertz, junto com o governador do Estado Eduardo Moreira, participou do ato, trazendo a SC o programa Prodetur +Turismo.

Cinco termos de cooperação entre o Sistema Fecam, Governo do Estado, Fiesc, Senai, Tribunal de Justiça, Visiona Tecnologia Espacial foram assinados, cada um com objetivo de desenvolver parcerias em áreas e projetos distintos, para que sejam aplicadas nos municípios. O ato representou o engajamento do Sistema Fecam com as entidades e instituições públicas, com objetivo de encontrar soluções e parcerias para o desenvolvimento das cidades.

Em sua fala de recepção aos gestores, o presidente enfatizou o papel dos prefeitos e reforçou que as grandes mudanças que o Brasil precisa devem iniciar pelos municípios. "Um Brasil forte, se faz com municípios fortes", afirmou. As dificuldades de administrar as cidades, com baixo orçamento e cada vez mais responsabilidades foi posição unânime das lideranças municipalistas. Segundo o presidente, os gestores têm hoje a necessidade de firmar parcerias para manter suas obrigações e garantir o desenvolvimento das cidades e população. “Buscamos, por meio do Congresso, trocar as nossas experiências e acreditar que muitos dos problemas serão minimizados com aplicação de tecnologia e inovação”, destacou Morastoni.

Dentro os termos firmados, está o protocolo de intenções com a empresa Visiona Espacial, integradora nacional de satélites, que desenvolverá o nanosatélite VCUB1 de alta resolução espacial em parceria com a Embrapii e Senai/SC. O Sistema Fecam assina o termo, junto com Governo de SC.

Primeiro Satélite 100% brasileiro 

SC testará o primeiro satélite 100% brasileiro, feito pela indústria nacional Visiona Tecnologia Espacial. A nova solução tecnológica permite uma série de aplicações, principalmente na agricultura, defesa civil, educação, saúde, meio ambiente, obras e transportes. Resultado de uma parceria entre o Governo Federal, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai de Santa Catarina) e a empresa Visiona.

O satélite também servirá de laboratório para o desenvolvimento e validação de tecnologias espaciais desenvolvidas pela Visiona e SENAI, com destaque para os softwares de navegação, guiagem e controle, de supervisão de bordo e de rádio definido por software, as principais lacunas tecnológicas da indústria espacial brasileira atualmente.

Além de coletar imagens e informações ambientais, em especial em relação à qualidade da água. A câmera de alta resolução do equipamento será capaz de gerar imagens de sensoriamento remoto, com qualidades geométrica e radiométrica confiáveis, permitindo sua utilização em aplicações como agronegócio/agricultura de precisão, meio ambiente/monitoramento de desmatamento, desastres naturais/enchentes e deslizamentos de encostas, Cadastro Ambiental Rural, entre outros. Desta forma, será possível, durante a fase de testes de operação, realizar estudos em parceria com o Governo do Estado de Santa Catarina para experimentos ligados ao tema de cidades inteligentes e de sua interligação, na forma de Estado Inteligente.

Candidato do MDB

A tradicional reunião de segunda-feira da Executiva Estadual do MDB não foi suficiente para o partido chegar a um veredito sobre quem será o candidato a governador. A portas fechadas, bem ao estilo do partido criado para democratizar o país, a decisão foi transferida para o dia 18 de junho, próxima segunda-feira. A única definição é que a decisão terá que ser de consenso, entre Mauro Mariani e Eduardo Moreira, que disputam a vaga. Na mesma reunião também surgiram as candidaturas para o senado de Paulo Afonso Vieira e Valdir Colatto. Estaria o MDB caminhando para uma chapa pura.

Congresso de Prefeitos

O Congresso de Prefeitos realizado pela Federação Catarinense de Municípios (Fecam) prossegue até quinta-feira (14), no CentroSul, em Florianópolis. É o maior encontro de gestores públicos de Santa Catarina e estima-se público superior a 1.500 lideranças. Em atividade estão prefeitos, vice-prefeitos, secretários e gerentes municipais, autoridades federais e estaduais, além de servidores públicos de diversas áreas estratégicas, participando de debates e conhecendo produtos, serviços e ações que fazem a diferença nas administrações públicas municipais. 

Morre Konder Reis

 

Morreu nesta terça-feira (12), em Itajaí, o ex-governador de Santa Catarina Antonio Carlos Konder Reis. O ex-governador tinha 93 anos e comandou o estado entre 1975 e 1979. O político faleceu no Hospital Marieta Konder durante a manhã. A causa da morte não foi divulgada. O governador Eduardo Pinho Moreira (MDB) lamentou a morte e decretou luto oficial de sete dias. Nascido em Itajaí em 16 de dezembro de 1924, Konder Reis era advogado, economista, museólogo e membro da Academia Catarinense de Letras. O primeiro cargo político foi aos 21 anos, em 1947, como deputado estadual pela União Democrática Nacional (UDN) de Itajaí. Conforme a Assembleia Legislativa de Santa Catarina, ele encerrou a carreira política em 2003, como deputado eleito em 1998. O político integrava a família Konder, influente na política catarinense. Vários familiares passaram pelo governo estadual, como Adolfo Konder, governador entre 1926 e 1930.

Encontro do partido Novo

O Partido Novo realiza neste sábado (16), às 14h, no Brivali Hotel, encontro partidário em Caçador. O evento vai contar com a presença do presidente estadual do partido Eduardo Ribeiro, e dos pré-candidatos a deputado federal Eduardo Perone e Gilson Marques. O evento é aberto a lideranças e simpatizantes e está sendo organizado por integrantes do partido de Caçador.

Candidato do Oeste

Para ser considerado o candidato do Oeste o deputado Gelson Merísio (PSD) terá que fazer mais que reunir 10 mil pessoas em Chapecó. Claro que Chapecó, seu reduto, é a maior cidade do Oeste, mas a simples menção de que defende as cores da região não será suficiente para convencer os eleitores e formadores de opinião. Se quiser cair nas graças do eleitorado caçadorense, por exemplo, Merísio vai ter que descobrir o caminho de Caçador e firmar compromissos. Palavras de gente do seu partido.

Osni Ribeiro Mello

Olá, eu sou Osni Ribeiro Mello, jornalista, administrador de empresas e Engenheiro Civil. Depois de ter passado pelos jornais: Gazeta Sul, Folha da Cidade e Informe e por todas as editorias. Atividades que consumiram 15 anos de minha vida e me deram muita experiência, resolvi que muito mais que dar a notícia eu apontaria os erros e as soluções. Pronto, virei colunista e instantaneamente odiado por escrever demais. De qualquer forma o portal www.diarioriodopeixe.com.br e o Jornal Extra resolveram apostar numa coluna de informações políticas e aqui estou tentando consertar o mundo e levando as notícias com uma pitada de humor e senso critico. Também mantenho o osnirmello.blogspot.com.br, blog onde divulgo as ideias que podem mudar o nosso mundo, ou não.

Espalhe essa coluna:

© 2011 - 2018. Todos os direito reservados a Editora Rio do Peixe.