Youtube Twitter Facebook Instagram

Segunda-Feira - 18.12.2017

Manhã: Sol com algumas nuvens Tarde: Pancada de chuva isolada


MÍNIMA: 17º - MÁXIMA: 28º

Diário Rio do Peixe

Segunda-Feira - 18.12.2017

Manhã: Sol com algumas nuvens Tarde: Pancada de chuva isolada


MÍNIMA: 17º - MÁXIMA: 28º

Colunistas

Funcionalidade da Didática Aplicada VII

A percepção é uma qualidade da mente humana que possibilita o conhecimento ou a tomada de contato com as coisas e fenômenos da realidade, por intermédio dos sentidos.

21/11/2017 - 23:16:59
Adelcio Machado dos Santos

O conhecimento e a compreensão dos aspectos internos do método corresponde a uma tarefa indispensável ao professor, o qual necessita ter conhecimentos relacionados a psicologia da educação.

Insere-se aqui a relação existente entre assimilação e percepção.

A assimilação de boa parte dos conhecimentos que compõem o ensino, sobretudo nos níveis iniciais, se inicia através da percepção ativa da realidade.

A percepção é uma qualidade da mente humana que possibilita o conhecimento ou a tomada de contato com as coisas e fenômenos da realidade, por intermédio dos sentidos.

Já a assimilação consciente dos conhecimento tem inicio com base na percepção ativa dos objetos de estudo com os quais o aluno se defronta  pela primeira vez, ou temas já conhecidos que são enfocados de um novo ponto de vista ou de uma forma mais organizada (LIBÂNEO, 1990).

No entender de Libâneo (1990, p. 184):

A percepção, que é um processo de trazer coisas, fenômenos e relações para a nossa consciência, é a primeira familiarização do aluno com a matéria, formando na sua mente noções concretas e mais claras e ligando os conhecimentos já disponíveis com os que estão sendo assimilados. Os alunos são orientados para perceber objetos reais, assimilar as explicações do professor, reavivar percepções anteriores, observar objetos e fenômenos no seu conjunto e novas relações com outros objetos e fenômenos, confrontar noções do senso comum com os fatos reais. Enfim, trata de trazer à mente dos alunos uma grande quantidade de dados concretos, levá-los a expressar opiniões, formando na sua mente noções concretas e mais claras dos fatos e fenômenos ligados à matéria, para chegar à elaboração sistematizada na forma de conhecimentos científicos.

Os movimentos interligados do processo de transmissão-assimilação, que se constituem na base metodológica para o tratamento didático de novos conteúdos, podem ser assim sintetizados:

a) uma aproximação inicial do objeto de estudo para que o aluno possa ir formando as primeiras noções, por meio da atividade perceptiva e sensorial;

b) a elaboração mental dos dados iniciais, visando a compreensão mais aprofundada por intermédio da abstração e generalização, até consolidar conceitos sobre os objetos de estudo;

c) a sistematização das ideias e conceitos de uma forma quie seja viável operar mentalmente com eles e, tarefas teóricas e práticas, em virtude da matéria seguinte e em função da solução de problemas novos da matéria e da vida prática.

Adelcio Machado dos Santos

Pós-Doutor pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC
Reitor da Universidade Alto Vale do Rio do Peixe - UNIARP
Jornalista (MTE/SC nº 4155)
Diretor do Meio Oeste da Associação Catarinense de Imprensa (ACI)
Presidente da Associação Caçadorense de Imprensa (ACIJO)
Conselheiro da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo (ABRAJET/SC)

Espalhe essa coluna:

© 2011 - 2017. Todos os direito reservados a Editora Rio do Peixe.